Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2020

A Miss mais bela do ano de 1957 - Gladyz Zender

 A primeira sul-americana a vencer o Miss Universo foi a peruana Gladys Rosa Zender Urbina em 1957.  Com uma beleza juvenil e uma carisma que transbordava pelas nas câmeras. Sua beleza facial remetia as grandes estrelas do cinema, como Elisabeth Taylor. É a única peruana até o presente a ter vencido o concurso, sendo considerada uma das mais belas da história. Gladyz Zender - Miss Universo 1957  O 2º lugar ficou para a brasileira do Amazonas Teresinha Morango, que por pouco não assumiu o título ao descobrirem que Gladyz Zender não havia completado 18 anos. Reuniões internas e apelo do embaixador peruano nos EUA mantiveram o título com a peruana, sendo alegado que no Peru a maioridade se inicia aos 17 anos e 6 meses. Biografia* Durante a adolescência, Zender já havia ganho os títulos de Miss Reinado de Primavera e Miss Reinado de los Carnavales, em Miraflores, antes de vencer o Miss Peru de 1957. Ela foi uma das últimas candidatas a chegar a Long Beach, na Califórnia, novamente a sede d

Programas do Miss Universo - década de 1990

 Os programas do concurso Miss Universo da década de 1990 são uma fusão do minimalismo da década de 1970 com as referências culturais e de paisagem da década de 1980. São muito bonitos! Os únicos que trazem as misses reinantes são os de 1997,1998 e 1999, algo que deveria constar em todos na minha opinião. Vamos a eles: 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999

Júlia Gama é a Miss Brasil 2020

O suspense acabou! Depois de semanas de especulações, o Mundo Miss brasileiro conheceu há pouco, numa transmissão pelo canal da organização U Miss Brasil no Youtube, a representante do país na próxima edição do Miss Universo. A gaúcha Júlia Gama teve seu nome ventilado há algumas semanas como possível indicada, mas por ser a Miss Brasil Mundo 2014, muito descartaram essa possibilidade. Ela se torna ao lado de Adriana Alves de Oliveira, as únicas brasileiras a representarem o Brasil no Miss Universo e no Miss Mundo. Júlia Gama - Miss Brasil 2020 Eu fiquei muito feliz com a indicação, pois ela é linda, inteligente e fala fluentemente espanhol, inglês e mandarim. Sua oratória é perfeita e acredito que isso contará muito ao seu favor no Miss Universo. Parabéns para Júlia Gama pela conquista e a organização pela indicação.  

Obrigado Júlia Horta - Miss Brasil 2019!

Amanhã a noite chega ao fim o reinado de uma das mais incríveis Miss Brasil da história. A mineira Júlia Horta irá coroar sua sucessora num transmissão online pelo canal no Youtube da nova organização do concurso. Falar de Júlia Horta é falar de beleza, força, simpatia, carisma, solidariedade, sororidade e principalmente amor. Amor que ela demonstrou pelo Mundo Miss desde o primeiro concurso em 2015 até a final do Miss Universo 2019; amor pelos fãs, amor pelo próximo. Ela nos encheu de esperança na conquista do tão sonhado 3º título de Miss Universo, e se ele não veio não foi por falta de empenho da nossa linda miss. Mesmo num período tão dramático que passamos devido a pandemia do novo coronavírus, Júlia Horta se mostra presente todos os dias nas redes sociais enviando mensagens positivas e reinando lindamente. Desejo a você Júlia muitas alegrias e sucesso em sua trajetória pessoal e profissional. Você é e sempre será inesquecível! Obrigado!

A Miss mais bela do ano de 1956 - Carol Laverne Morris

  No ano de 1956 o Estados Unidos da América conquistava seu 2º título de Miss Universo com a belíssima Carol Laverne Morris.   O  concurso foi realizado no dia 20 de julho em Long Beach - Califórnia e anfitriã venceu outras 29 candidatas. Carol Morris - Miss Universo 1956 Considerada um dos rostos mais belos da história do concurso, sua vitória é inquestionável e até hoje sua beleza é celebrada no Mundo Miss. No Miss Mundo a vencedora foi a representante da Alemanha - Petra Susanna Schürmann, que derrotou outras 23 candidatas em Londres no dia 15 de outubro. Carol Morris é para mim uma das mais belas vencedoras do concurso e sempre será. Biografia* Nascida do estado de Nebraska, filha de um pastor de igreja cristã, na infância e na adolescência ela fez o curso básico no Kansas e o ensino secundário em Ottumwa, no estado de Iowa, para onde a família se mudou. Lá ela se tornou uma campeã de natação e trabalhou como salva-vidas.[1] Com 1,70 m, olhos azuis e cabelos marrons quase negros,

Fernanda Bôscolo - Miss Brasil Beleza Internacional 1980

 O 2º lugar no Miss Brasil 1980 deu a oportunidade da lindíssima paulista Fernanda Bôscolo de ser a Miss Brasil Beleza Internacional 1980. Fernanda Bôscolo no MB 1980 (divulgação) O concurso foi realizado no dia 04 de novembro em Tóquio, no Japão. Apesar de  ter uma beleza impactante, a paulista não foi classificada entre as três finalistas, numa edição muito estranha, que sequer teve chamada para semifinalistas. Biografia* Apesar de nascida na capital, Fernanda mudou-se para Santos aos 6 anos de idade, e o primeiro concurso que disputou foi aos 6 anos, o Mini Miss São Paulo, no programa de TV "Almoço com as Estrelas", competindo com mais de 500 crianças. Em 1980, antes de completar 18 anos de idade, e já morando em Santos, foi eleita Rainha das Praias Brasileiras, no Ilha Porchat Clube, e ganhou o direito de representar o país no Miss Tanga Internacional, realizado em Caracas, Venezuela. Mais de quarenta garotas ambicionavam o título, que acabou ficando em suas mãos, tendo s

A Miss mais bela do ano de 1955 - Carmen Susana Duijm Zubillaga

Em 1955 a Venezuela conquistou o seu primeiro título no Grand-Slam.  Carmen Susana Duijm Zubillaga venceu o Miss Mundo 1955 realizado em Londres-Inglaterra, em 20 de outubro, no Lyceum Ballroom. O concurso teve a participação de 21 candidatas. Carmen Susana Duijm Zubillaga - Miss Mundo 1955 Naquele ano alguns países enviaram sua representante para o Miss Mundo e para o Miss Universo, o que será comum nas décadas seguintes. Carmen Susana Duijm Zubillaga três meses antes havia participado do Miss Universo, classificando-se no top 15. A vencedora foi a representante da Suécia - Hillevi Rombin. Biografia Susana era filha de Ibraham Duijm, um imigrante judeu do Suriname, e da espanhola Carmen Zubillaga. Antes de participar do Miss Venezuela, trabalhava como recepcionista, porém, após sua vitória nos concursos de beleza, tornou-se famosa e trabalhou como modelo, inclusive em Paris e NY, atriz, inclusive no México, Itália e Espanha, e apresentadora de TV e de rádio, sendo que na época de sua

Programas do Miss Universo - década de 1980

 Os programas do concurso Miss Universo na década de 1980 destacam as paisagens e elementos culturais da cidade/país anfitrião. 1980 1981 1982 As capas, diferentemente da década anterior, mostram monumentos históricos, edifícios, paisagens naturais e aspectos culturais.  1983 1984 1985 São capas bonitas, mas pecam por não trazer a Miss Universo reinante (somente nas edições de 1985 e 1986 elas aparecem), algo que se manteve dos anos 1970. 1986 1987 A minha preferida é a de 1987, que traz crianças de Cingapura (país anfitrião). Ela seria perfeita se também trouxesse a Miss Universo 1986 - Bárbara Palácios. 1988 1989 Disponível em:  http://www.pageantopolis.com/1980-1989-4.html

A Miss mais bela do ano de 1954 - Antigone Costanda

É do nordeste do continente africano a miss mais bela do ano de 1954. A egípcia Antigone Costanda venceu o Miss Mundo 1954 realizado em Londres no Lyceum Ballroom e contou com a participação de 18 candidatas. Até o presente é o único título conquistado pelo Egito no concurso. Acho ela muito bonita e sua vitória sinalizou que o concurso estava de portas abertas para belezas do mundo inteiro. No Miss Universo 1954, a estadunidense Miriam Stevenson saiu vitoriosa, ficando em 2º lugar a majestosa Martha Rocha - Miss Brasil 1954. Se a brasileira tivesse vencido, com certeza este post teria outra vencedora. Antigone Costanda - Miss Mundo 1954 Concorrente: Miriam Stevenson - Miss Universo 1954

Lúcia Alexandrino - Miss Brasil Beleza Internacional 1969

Em 1969, o estado de São Paulo elegeu Maria Lúcia Alexandrino dos Santos, como sua representante no Miss Brasil. Lúcia Alexandrino, como ficou conhecida, chegou como favorita ao certame nacional ao lado da catarinense Vera Fischer. Traje típico no MB Seu desfile em traje de noite foi marcante, com destaque na mídia da época. Conquistou o 2º lugar e o direito de representar o país no Miss Beleza Internacional em Tóquio - Japão. A vencedora foi a maravilhosa Vera Fischer. Desfile em traje de noite no MB A belíssima paulista tinha uma missão difícil no certame internacional, tentar o bicampeonato para o Brasil, pois no ano anterior Maria da Glória Carvalho havia vencido o concurso. Classificou-se no top 15 e a vencedora foi Valerie Susan Holmes da Grã Bretanha. Às vésperas do MBI Biografia* Filha de Conceição Alexandrino Santos, Maria Lúcia nasceu no interior do Estado de São Paulo, no município de Lins. Foi namorada do escritor Mário Prata quando encenou a novela Estúpido Cupido. Casou-