Pular para o conteúdo principal

Miss Brasil 2016: top final do blogue

Enfim chegou o grande dia. No final da noite de hoje saberemos quem é a Miss Brasil 2016. O concurso será realizado na casa de espetáculos CitiBank Hall, na capital paulista, e terá transmissão para todo o país a partir das 22h20, pela TV Bandeirantes.
Este ano foi difícil fechar um top 15, pois há uma regularidade do nível de beleza, com um pequeno grupo se destacando.
Pela primeira vez vou apresentar meu top em etapas (15, 10, 05 e 03), mas acredito que qualquer uma das três finalistas será uma Miss Brasil maravilhosa.
Seguem os tops em ordem alfabética: 

Top 15

Bahia
Distrito Federal
Goiás
Minas Gerais
Rio Grande do Sul

Top 10

Acre
Amapá
Mato Grosso
Santa Catarina
São Paulo

Top 5

Paraná
Sergipe

Top 3

Alagoas
Ceará
Maranhão

Comentários (em ordem alfabética):

Acre: apesar de tanto "carão" a Miss Acre Jucianne Menezes me convenceu. Ela é linda e segura de sua beleza. Acredito que se classifique e conquiste a maioria dos jurados com sua técnica de modelo. Pode chegar ao top 5.

Alagoas: experiência, técnica, beleza e carisma são os requisitos necessários para uma miss conquistar o título de Miss Brasil e Gabriele Marinho tem todos eles. Usando uma frase bem clichê, mas que se aplica perfeitamente para ela: ela só perde para ela mesma.

Amapá: a bela Joely Teixeira, com sua ascendência indígena me conquistou. Sua beleza é única e torço muito pela sua classificação.

Bahia: a Miss Bahia - Victória Esteves -  transmite um energia incrível, é muito bonita e com certeza deve brilhar muito hoje. Ela está no meu top 15, mas acredito que se for classificada consiga avançar.

Ceará: toda vez que vejo uma foto ou vídeo de Morgana Carlos eu me lembro de Melissa Gurgel, sua conterrânea que arrasou na conquista do título de Miss Brasil 2014. A cearense é linda, carismática e tem uma oratória muito boa. Acredito muito que ela fique no top 3, com grande chance de vencer.

Distrito Federal: uma das mais simpáticas desta edição, a Miss Distrito Federal - Sarah Alves foi a grande surpresa  nestes últimos dias para mim, pois não enxergava possibilidades de classificação quando venceu o estadual, mas agora ela está firme no meu top 15.

Goiás: Mônica França tem uma "beleza americana", que remete a um tipo que vemos todos os anos no Miss Estados Unidos. Isso é um diferencial e acredito que ela se classifique.

Maranhão: se Deise D'anne vencer o Miss Brasil 2016, o título terá seu significado ampliado, para colocará fim a 30 anos sem a vitória de uma negra. Imagino o impacto social e midiático que essa vitória iria causar. Além de ser muito merecido, pois ela é linda, simpática, carismática e conquistou muitos fãs no Mundo Miss brasileiro, inclusive eu. Acredito que a verei de mãos dadas com a Miss Alagoas e daí seja o que Deus quiser.

Mato Grosso: majestosa é a palavra que eu uso para definir Taiany Zimpel. Além de ser linda, é elegante e transmite muita classe. Acredito que ela deve arrasar no desfile de traje de noite. Tem grande chance de chegar ao top 5 e até vencer.

Minas Gerais: a exuberância da beleza mineira é maravilhosamente exemplificada com Paloma Marques. Acho ela linda e acredito que ela se classifique, com grande chance de avançar nos tops.

Paraná: Raissa Santana demorou para me convencer, mas mostrou nestes últimos dias que tem todos os requisitos para ser a Miss Brasil 2016. O Paraná tem grande chance de conquistar seu 4º título após 20 anos.

Rio Grande do Sul: a gaúcha Letícia Borghetti é presença garantida no top 15. Tem beleza e técnica para avançar, e se chegar no top 5 o Rio Grande do Sul tem grande chance de conquistar o título novamente.

Santa Catarina: a perigosa (no bom sentido) do concurso. Mariana Guerra deve usar todas as suas "armas" na "guerra" de hoje a noite. Ela é bela, sabe se projetar e sabe disso. Desculpe pelos trocadilhos, mas o sobrenome dela é perfeito para a situação.

São Paulo: eu acredito muito no potencial de Sabrina de Paiva para ser a Miss Brasil 2016. Ele tem um corpo belíssimo, uma oratória muito boa e um carisma incrível. Se chegar ao top 5, dificilmente tiram a coroa dela.

Sergipe: a sergipana Carol Valença se transmitir segurança e vivacidade na passarela tem grande chance de conquistar o 1º título de Miss Brasil para seu estado. Beleza ela tem de sobra. 


Boa sorte para todas e que tenhamos um belo e emocionante concurso hoje a noite.

Candidatas ao título de Miss Brasil 2016



Comentários

Top 5 de acessos no mês

Nota de falecimento: Rejane Vieira da Costa (Goulart) - Miss Brasil 1972

Hoje o Mundo Miss está de luto. Infelizmente pela manhã recebi, através do grupo do Voy Miss Brasil On Board no Facebook, a notícia do falecimento da MISS BRASIL 1972 - Rejane Vieira (Goulart era seu sobrenome artístico). Confesso que relutei em acreditar que uma das minhas misses  Brasil preferidas tinha partido tão cedo (59 anos) e resolvi esperar uma confirmação oficial para então escrever um post, que veio pelo site oficial do MISS BRASIL. O motivo do falecimento foi um AVC (Acidente Vascular Cerebral) ocorrido durante o período de recuperação de uma cirurgia feita em decorrência de uma trombose. Rejane Vieira era uma unanimidade no Mundo Miss no Brasil, uma das misses mais queridas pela sua impactante beleza e simpatia com os fãs. No MISS UNIVERSO 1972 ela conquistou o 2° lugar, e não vou afirmar que foi injusto pois a australiana Kerry Wells também era uma lindíssima.  A gaúcha  atuou como atriz e participou de algumas novelas de sucesso como Ti Ti Ti (1985), Man

A Miss mais bela do ano de 1961 - Marlene Schmidt

 O ano de 1961 é um dos mais fortes em relação a beleza das vencedoras do Grand-Slam, mas a beleza atemporal da representante da Alemanha no Miss Universo a faz a melhor entre as três. O único título do país no Miss Universo foi conquistado em 15 de julho no Miami Beach Auditorium na popular Miami - Flórida - EUA. Marlene Schmidt - Miss Universo 1961 Biografia*: Schmidt, uma refugiada na Alemanha Ocidental depois de fugir da nativa Alemanha Oriental, loira, de olhos negros, 1, 73 m e 24 anos, era uma engenheira elétrica que trabalhava numa fábrica de rádios por US$54 dólares semanais.  Entrou no concurso estadual de beleza de Baden-Württemberg motivada pelo carro oferecido como prêmio máximo, venceu e além do carro conquistou o direito de representar a região no Miss Alemanha, realizado em Baden-Baden. Marlene venceu o concurso nacional, onde foi considerada uma "figura de Botticelli", e foi para os Estados Unidos representar o país no Miss Universo. Competindo com outras 47

Mexicana Andrea Meza vence a 69ª edição do concurso Miss Universo

 O México conquistou sua 3ª coroa de Miss Universo na noite do último domingo com a bela Andrea Meza. Considerada uma das favoritas por missólogos de diversos países, a eleição da mexicana não agradou os fãs do concurso que acusam a emissora de TV Telemundo de "comprar" o título, já que a miss não foi considerada a melhor na pergunta final. Andrea Meza - Miss Universo 2020 Os fãs consideram que a Miss Brasil 2020, Julia Gama, foi a melhor e merecia o título. Julia Gama ficou em 2º lugar no concurso Eu ainda não revi o concurso com o olhar de missólogo, mas acredito que se há tanto descontentamento, é porque realmente o resultado não foi justo. Durante a semana a imprensa especializada mundial noticiou que a mexicana pudesse ser casada (o que é proibido pela organização do Miss Universo) e que estivesse grávida. Andrea Meza na foto promocional que causou a polêmica  Nada se comprovou, pois foi apurado a imagem que circula na internet é de uma campanha promocional de turismo de

Elizabeth Ferreira da Silva - Miss Brasil Beleza Internacional 1988

 O histórico "Miss Brasil da Ilha Porchat" em 1988 foi vencido pela representante de São Paulo - Elizabeth Ferreira da Silva.  Realizado no município litorâneo de São Vicente, o concurso era muito badalado e recebia grande atenção da imprensa. Valorizava-se muito a beleza física da candidatas, que eram coroadas de biquíni. No concurso Miss International 1988 a brasileira não se classificou no top 15, mas ganhou o prêmio de melhor traje típico.  Elizabeth Ferreira da Silva exemplifica o tipo de beleza valorizada pelos concursos no Brasil naquela década. Fonte: Wikipédia Missmemorabilia Pwiki I am the miss

Kátia Nascimento Guimarães - Miss Brasil Beleza Internacional 1985

Kátia Nascimento Guimarães foi a sexta paulista a conquistar o título de Miss Brasil Beleza Internacional em 1985. Ela foi a primeira da "era ilha Porchart" concurso popular na época realizado na ilha homônima da cidade de São Vicente, litoral paulista. Kátia Nascimento Guimarães (ao centro) - MBI 1985 No concurso Miss International 1985, a linda paulista foi top 15.